A Gaita do Rio Grande, Brasil afora…

O álbum foi pré selecionado ao Prêmio da Música Brasileira com lançamento pela gravadora ACIT tem no repertório músicas de Albino Manique, Edson Dutra, Adelar Bertussi,Honeyde Bertussi, Luiz Carlos Borges, Beto Caetano e ainda músicas inéditas do próprio Luciano Maia compostas especialmente para este trabalho. Os músicos convidados para o cd foram Matheus Alves e Ricardo Arenhaldt e a produção musical é assinada pelo próprio Maia com mixagem de Saul Jones da Audio Laser. As fotos são de Eduardo Rocha da Visual Agência o design é de  Petter Campagna e o CD conta com o apoio do Armazém Criollo.

O CD “A Gaita do Rio Grande” é a primeira etapa de um projeto de resgate da obra de grandes mestres do acordeom gaúcho. Valorizando as obras do cancioneiro gaúcho, compostas a partir do instrumento símbolo do Estado, Maia pretende enaltecer a verdadeira identidade da cultura regional e trazer à contemporaneidade canções que representam a alma do Rio Grande.

Abaixo depoimento acerca do trabalho:

Buenas “gaiterada”!

Com este disco, que é o primeiro de uma série que pretendo dar continuidade, tenho a intenção de resgatar a verdadeira identidade da gaita gaúcha para que possamos nos situar em meio a tantas influências que às vezes nos desvirtuam, sem deixar de nos renovar, nos atualizar. Quero que sirva também para que valorizemos o trabalho de tantos mestres que ainda estão perto de nós e para que tenhamos mais e mais gaiteiros que levem adiante a nossa Gaita do Rio Grande!

Abraço macanudo!

Abaixo: Sentimento de Gaiteiro, faixa 02 do álbum, autoria de Beto Caetano.